Arquivo da Categoria ‘LER’

A IMPORTÂNCIA DO ALONGAMENTO NO TRABALHO

quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Quem pratica atividade física diariamente já sabe: alongar é fundamental para proteger os músculos. Mas se você acha que os alongamentos servem apenas para essas pessoas, pode começar a mudar de opinião.Alongamento refere-se ao processo de aumentar o comprimento muscular.Os exercícios de alongamento podem ser realizados de várias maneiras, dependendo dos objetivos.O alongamento é um dos exercícios fundamentais para o nosso corpo. Feitos bem no início da jornada de trabalho, ao esticar a musculatura, os alongamentos deixam o corpo preparado para o trabalho, evitando dores musculares, articular e tendões, a conhecida LER (lesões por esforço repetitivo) e DORT (doença osteoarticular relacionada ao trabalho).O alongamento traz benefícios como redução de tensões musculares, relaxamento, melhora a coordenação pois os movimentos se tornam mais soltos, prevenção de lesões, desenvolve consciência corporal à medida que a pessoa se concentra na parte do corpo que esta sendo alongada, ativa a circulação, auxilia no bom alinhamento postural .Em todas as nossas atividades, em todos os nossos movimentos, estamos sempre usando os músculos e as articulações para realizá-los.Assim devemos sempre ter em mente a necessidade de trabalhar os músculos, alongando-os e fortalencendo-os para que possam responder de forma correta e sem prejuízo de alguma lesão, todas as vezes que necessitamos dos músculos.Por isso o alongamento é importante para todas as pessoas indiscriminadamente.O exercício de alongamento precisa de paciência porque o resultado aparece de forma mais lenta do que os demais exercícios. A flexibilidade só aparece depois de 4 a 6 semanas, porém os benefícios para o seu corpo e saúde são enormes.Os alongamentos devem ser feitos por qualquer pessoa, em qualquer idade, a qualquer hora e não requer equipamento especial nem treinamento prévio.
DICAS:

·        Sempre respirar corretamente de forma suave.

·        Alongar de forma lenta em torno de 10 a 30 segundos.

·        Manter boa postura.


Sueli de Lourdes LeoniFisioterapeutaServidora do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt

Epicondilite: maior causa é o esforço repetitivo

terça-feira, 17 de julho de 2012

Epicondilite é o nome da inflamação, dor ou sensibilidade na região do epicôndilo lateral ou medial do úmero, o osso do braço. Sua causa mais comum, afirma Clovis Munhoz, ortopedista do CREB – Centro de Reumatologia e Ortopedia Botafogo e diretor médico do Vasco da Gama, se relaciona a esforços repetitivos. “A sobrecarga de movimento, em um simples jogo de tênis, por exemplo, pode levar à epicondilite lateral. Por isso a epicondilite também é conhecida como cotovelo de tenista. Já a flexão repetitiva do punho durante um jogo de golfe pode causar a epicondilite medial, que ganhou o nome de cotovelo de golfista.”, explica ela.

Segundo o médico do CREB, não são apenas esportistas que estão sujeitos a este problema. Profissionais como dentistas, músicos e usuários de computadores também podem apresentar o quadro devido ao esforço repetitivo. “Quem sofre deste quadro geralmente se queixa de dor na área próxima ao epicôndilo lateral ou medial, podendo esta se irradiar para cima ou para baixo. A dor também pode aparecer durante movimentos do punho ou da mão, como o ato de abrir uma maçaneta, carregar uma maleta ou sacola pesada ou aperto de mãos. Eventualmente pode haver inchaço no local”, explica ele.

Evitar os esforços repetitivos é o primeiro passo na prevenção da epicondilite. “Quem utiliza computador, por exemplo, deve descansar por 15 minutos a cada duas horas trabalhadas. Alongamentos são importantíssimos e é preciso estar atento à ergonomia do local de trabalho”, diz o Dr. Clovis Munhoz. Segundo ele, a prática de exercícios regulares é muito importante porque o fortalecimento muscular pode ajudar na prevenção.

Em casos iniciais e agudos, o tratamento prevê repouso relativo, deve-se evitar o movimento repetitivo e há uso de medicamentos anti-inflamatórios, além de termoterapia (quente ou fria). Pode ser recomendado o uso de uma cinta para o antebraço, utilizada logo abaixo do cotovelo. Em casos crônicos, a reabilitação inclui fisioterapia. “A pessoa deve procurar um especialistas imediatamente, que prescreverá o melhor tratamento”, diz o ortopedista.

- Atualmente, além da fisioterapia analgésica, acupuntura e outros métodos de reabilitação física, contamos no CREB com a TOC – Terapia por Onda de Choques, um tratamento não invasivo, não doloroso e que traz ótimos resultados em cerca de 75% a 85% dos casos – finaliza o médico.

Epicondilite

terça-feira, 10 de julho de 2012

epicondilite ou epicondilite lateral, tabme denominada de cotovelo de tenista, é uma inflamação dos tendões do cotovelo, atingindo em especial, os músculos extensores do punho e dos dedos.

Esta afecção é causada por atividades que exige uso excessivo dos músculos extensores do punho ou dos pronadores do antebraço. Aproximadamente, metade das pessoas que praticam tênis são acometidas por esta inflamação, assim como jogadores de squashbasquete, praticantes de esgrimalançamento de dardo, entre outros. No entanto, a epicondilite pode acometer trabalhadores que realizam suas atividades de forma inadequada, como por exemplo, digitadores ou pessoas que utilizam com muita frequência o computador sem que sejam tomadas as medidas adequadas.

Os sintomas se iniciam com uma leve dor, na maior parte dos casos, localizada na face externa do cotovelo se estendendo pelo antebraço. Caso o esforço repetitivo continue sendo realizado, em especial sobrecarregando a região do antebraço, a área afetada irá tronar-se dolorosa ao toque, podendo ela irradiar até o punho.

tratamento, geralmente é conservador. É realizado o procedimento cirúrgico apenas quando não houver a remissão através do tratamento fisioterápico e medicamentoso dentro de três meses. O tratamento médico é feito com o uso de antiinflamatórios não hormonais. Também utiliza-se a acupuntura, a manipulação da região cervical e do membro superior e infiltração de corticóides. O uso de acessórios que envolvem o antebraço firmando-o, conhecido como brace, pode ser útil no início do tratamento, especialmente em atletas.

prevenção desta afecção é feita com mudança da técnica dos fundamentos do esporte, no caso de atletas, pois são eles os mais afetados. Outro ponto importante em indivíduos que jogam tênis é o uso da raquete ideal.

Fontes:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Epicondilite
http://www.digiprotector.com.br/epicondilite.html
http://web.taktos.com.br/index2.php?option=com_content&do_pdf=1&id=40

Ginástica laboral

quinta-feira, 10 de maio de 2012


Ginástica laboral é o conjunto de práticas de exercícios físicos realizados no ambiente de trabalho, com a finalidade de colocar previamente cada pessoa — e todos — da equipe ou grupo de trabalho bem preparadas para o exercício do labor diário. Usualmente baseia-se em técnicas de alongamento, fortalecimento e relaxamento, distribuídas pelas várias partes do corpo, dos membros, passando pelo tronco, à cabeça, sendo, de ordinário, orientada ou supervisionada por um Profissional de Fisioterapia e Educação Física Benefícios aos colaboradores, a níveis Fisiológico:

- Previne a LER e DORT;

- Melhoras:

* Moilidade e flexibilidade músculo articular;
* Postura;* Produtividade com menor desgaste físico;
* Circulação sangüínea em nível da estrutura muscular,
 melhorando a oxigenação dos músculos e tendões
 e diminuindo o acúmulo do ácido lático. 
* Condição do estado de saúde geral;

- Reduções:

* Inflamações e traumas;
* Tensão muscular desnecessária;
* Esforço na execução das tarefas diárias;
* Facilita a adaptação ao posto de trabalho;
* Risco de acidentes no trabalho;
* Sensação de fadiga no final da jornada;

Benefícios aos colaboradores, a níveis Psicológicos

- Favorece a mudança da rotina;

- Reforça a auto-estima;

- Demonstra a preocupação da empresa com seus colaboradores;

- Melhora a capacidade de concentração no trabalho;

- Desenvolve o conhecimento corporal.

Benefícios aos colaboradores, a níveis Sociais

- Desperta o surgimento de novas lideranças;

- Favorece o contato pessoal;

- Promove a integração social;

- Favorece o sentido de grupo – se sentem parte de um todo;

Benefícios para EMPRESA

- Aumento de produção;

- Colaboradores mais motivados;

- Reduções:

* Doenças osteomusculares (ler, dort, tendiníte,etc);
* Substituição de colaboradores;
* Serviços médicos;
* Acidentes de trabalho;
* Ações trabalhistas.

Ginástica no trabalho combate o estresse

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

No final de um dia de trabalho nosso corpo fica moído, não é mesmo? Várias horas sentadas na frente de um computador aliado aos momentos de tensão que passamos durante o dia podem comprometer a boa postura, a circulação sangüínea e até a produtividade no trabalho. Os especialistas recomendam que a cada duas horas sejam realizados alguns movimentos, como levantar da cadeira e se espreguiçar, mexer lentamente o pescoço de um lado para o outro, balançar os braços e abrir e fechar as mãos. Esses exercícios tornaram-se tão fundamentais para melhorar a produtividade do trabalhador, que várias empresas já adotaram a chamada Ginástica Laboral para seus funcionários durante o expediente.

 São inúmeros os benefícios que ela traz. A ginástica laboral combate o estresse, a depressão e a ansiedade, proporcionando equilíbrio emocional para se enfrentar os desafios profissionais. Também reduz a sensação de fadiga ao final da jornada e ainda melhora a auto-estima e a auto-imagem, motivando o trabalhador para novas rotinas.

 Alguns exercícios que podem ser feitos durante o trabalho:

 Para quem fica horas a fio sentada ou parada ou mesmo em pé, seguem algumas dicas de exercícios leves e muito fáceis de fazer:

- Movimentos como elevação do ombro, sua projeção para frente e para trás ajudam. Para o pescoço, flexione-o para frente e para trás, também de um lado para o outro e por fim um grande movimento circular da cabeça (circundução).

- Para o tronco, espreguice-se (flexão para trás), dobre-se (flexão para frente) e incline-se flexionando lateralmente. Faça os movimentos lentamente.

- Em relação às pernas, utilize as escadas sempre que se locomover por alguns andares, promovendo uma melhor circulação. Além dos benefícios cardiovasculares, promovidos até mesmo em pequenas distâncias, você estará aumentando seu gasto calórico, importante fator na manutenção da saúde.

- Para funções específicas há exercícios específicos. Se você trabalha ou passa muito tempo diante de um computador, por exemplo, deve realizar uma pausa periódica para olhar e focalizar objetos distantes, aliviando a visão. Também deve realizar exercícios de alongamento para as mãos e antebraços, evitando sobrecarga por digitação ou utilização do mouse.

- Estenda o braço à frente, deixando a mão relaxada e caída para baixo. Com a outra mão, puxe levemente os dedos para baixo na direção do seu quadril, com as costas da mão voltadas para a tela do computador, por 20 a 30 segundos, para alongar a musculatura posterior de seu antebraço.

- Puxe a mão relaxada agora para cima, em direção à sua cabeça e com a palma da mão voltada para a tela do computador, para alongar a musculatura anterior da mão e antebraço. Repita os mesmos exercícios com o outro braço.

Saiba como ter uma postura correta

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Manter a postura correta faz com que a coluna vertebral, que é o eixo central do corpo, permaneça sem desvios. O cuidado com o modo de sentar, deitar e andar pode evitar uma série de lesões.

Para ter uma boa postura, especialistas explicam que é preciso praticar exercicios fisicos regularmente e corrigir sempre a própria posição nas atividades domesticas e profissionais. Inicialmente, a má postura provoca dor, evoluindo para quadros de deformidade. Este problema pode ser tratado com fisioterapia, uso de coletes ou cirurgia.

Quem trabalha na frente do computador, deve permanecer com a coluna sempre reta. Ela precisa ficar as costas apoiada no encosto da cadeira e os pés firmes no chão. Algumas insituições, pensando no bem-estar de seus funcionários, promovem momentos de alongamento. Isso ajuda na prevenção de vários problemas, como as doenças da LER (lesão por esforço repetitivo).

ESPREGUIÇAR-SE FAZ BEM À SAÚDE

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

O melhor exercício de alongamento do corpo é espreguiçar-se. Nos ajuda a despertar de uma noite de sono, faz bem aos músculos, libera o estresse e as tensões acumuladas e melhora o humor. Tão importante quanto uma boa noite de sono é a maneira como acordamos. E, a melhor maneira de despertar é espreguiçando-se. Depois de abrir os olhos, reserve dez minutos para você. Tanto o corpo quanto a mente vão agradecer.

O ato de se espreguiçar nada mais é do que o alongamento involuntário que o corpo pede. É despertar, tirar a preguiça, alongar, esticar os membros, às vezes acompanhado de um bocejo, que é a maneira que o rosto tem de se espreguiçar também. Como antes de qualquer exercício deve-se fazer aquecimento, é preciso preparar os músculos e as articulações para o movimento. O ato de se espreguiçar deve ser lento e intenso, alongando os braços, as pernas, as costas, o abdômen e o pescoço.
É o próprio corpo que diz quando estamos preparadas para levantar. Respire profunda e pausadamente e sinta as tensões desaparecerem. Uma boa espreguiçada não é apenas boa ao acordar, como antes de dormir e até no meio da tarde no trabalho. Tanto médicos quanto fisioterapeutas recomendam medidas preventivas para as lesões por esforços repetitivos (LER) e uma delas é: espreguiçar-se.
As atividades que exigem posições forçadas e estáticas provocam rigidez nos tendões e músculos, tornando o corpo vulnerável às lesões. Os exercícios de alongamento – como se espreguiçar – devem ser feitos em pequenas pausas regulares. É muito simples: levante-se, vá até o banheiro e aproveite para se espreguiçar. Faz bem para os músculos, libera o estresse e melhora o humor.

A importância da Ginástica Laboral no trabalho

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Embora as primeiras manifestações de atividades físicas em empresas datem de mais de 100 anos, a Ginástica Laboral é um ramo relativamente novo para a maioria das empresas.
A Ginástica Laboral começou a ser compreendida como um grande instrumento na melhoria da saúde física do trabalhador, reduzindo e prevenindo problemas ocupacionais, através de exercícios específicos que são realizados no próprio local de trabalho.

A Ginástica Laboral não sobrecarrega nem cansa o funcionário, porque é leve e de curta duração. Ela é uma medida preventiva contra a LER (lesões por esforços repetitivos) e DORT (doenças osteomusculares relacionados ao trabalho).

O que é a ginástica laboral?

  • Trata-se de uma atividade realizada no local de trabalho.
  • Visa reduzir e prevenir as lesões provocadas por movimentos repetitivos, através de um programa específico de exercícios rápidos e práticos.
  • Estimulam e relaxam equilibrando todo o corpo.

Quais são os benefícios?o os benefícios da ginástica laboral?

  • Trabalham a reeducação postural.
  • Aliviam o estresse.
  • Diminuem o sedentarismo.
  • Aumentam o ânimo para o trabalho, melhorando o desempenho profissional.
  • Diminuem as tensões acumuladas no trabalho, aumentando a integração social.
  • Previnem lesões e doenças por traumas cumulativos, como as LER (Lesões por Esforços Repetitivos) e os DORT (Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho).
  • Diminuem a fadiga visual, corporal e mental por meio das pausas para os exercícios.

Dicas para quem trabalha muito tempo sentado.

domingo, 3 de outubro de 2010

Como se exercitar na frente do computador?

Nós que passamos muito tempo sentados na frente do computador. Nem todo mundo faz academia ou exercícios de algum tipo, portanto vou dar algumas dicas do que você pode fazer pra evitar a L.E.R. / D.O.R.T. e ficar um pouco mais saudável.

academia

Já deixo avisado logo de início que estes exercícios não substituem uma boa caminhada, corrida, flexões, etc. Servem mais para evitar a L.E.R. (Lesão por Esforço Repetitivo) – também conhecido como L.T.C. (Lesão por Trauma Cumulativo) e por D.O.R.T. (Distúrbio Osteomuscular Relacionado ao Trabalho) – um sério problema para quem passa horas sentado na frente do computador.

Sente-se corretamente

Procure manter uma postura adequada e, se possível, use uma cadeira confortável. Suas costas devem ficar retas, seus ombros devem ficar para trás e o topo do seu monitor deve estar nivelado com os seus olhos. Procure também apoiar seus pulsos de forma que fique uma linha reta entre seu braço e costas da mão – isto ajuda a evitar a síndrome do túnel carpal. Mantenha suas pernas dobradas nos joelhos de modo que seus joelhos fiquem apenas levemente acima da linha da sua cintura. Os pés devem ficar plantados no chão, de preferência apoiado em algum tipo de apoio específico para os pés.

correto comp.

Faça alguns exercícios de alongamento

Pescoço: para alongar o pescoço, flexione a cabeça para frente e para trás, de um lado a outro, e vire a cabeça para esquerda e direita. Isto pode ser feito a qualquer momento para diminuir a tensão. Nunca faça movimentos circulares com sua cabeça; isto pode causar danos às juntas do pescoço.

Ombros: Role seus ombros para frente umas 10 vezes e depois repita para trás. Isto ajuda a liberar a tensãos dos seus ombros.

Pulsos: Role seus pulsos regularmente a cada hora. Faça movimento circular em sentido horário 10 vezes, e em seguida repita em sentido anti-horário. Isto ajuda a evitar o L.E.R. de pulso.

Tórax: Se você tem tendência a se debruçar na frente do teclado, utilize este exercício para tirar a tensão do tórax. Abra seus braços como se fosse abraçar alguém, gire seus pulsos para que os dedões apontem pra cima e depois pra baixo. Agora tente jogar seus ombros para trás até o máximo possível sem que doa demais (vá devagar!). Este exercício move seu corpo na direção contrária da sua debruçada e você deve sentir um alívio no tórax.

Abdômen: Contraia seus músculos abdominais e glúteos, segure por alguns segundos e em seguida solte. Repita isto várias vezes durante o dia.

Panturrilhas: Enquanto estiver sentado, levante e abaixe seus pés na base dos dedos (como se estivesse usando um salto-alto). Repita até ficar confortavelmente cansado. Repita 10 minutos mais tarde e continue fazendo este exercício durante uma hora. Isto vai exercitar a batata da perna e ajuda a prevenir coágulos sanguíneos de se formarem em suas pernas, comum entre usuários de computador de meia-idade.

Dê umas voltas

A cada meia hora, procure dar uma levantada e ande um pouco pela sala – nem que seja só até o bebedouro ou o banheiro. Isto vai ajudar na sua circulação sanguínea nas pernas e braços, eliminando aquela tensão que se dá por ficar muito tempo sentado. Se você puder tirar pausas maiores, dê uma volta maior em torno da quadra e use as escadas (em vez do elevador) para descer. Além de fazer suas pernas voltarem à ativa, você também poderá respirar um pouco de ar fresco.

Descanse seus olhos

A cada meia-hora, procure focar seus olhos em outros objetos na sala (de preferência, mais longe). Pode ser uma janela, relógio ou outra pessoa. Isto diminui a fadiga visual e poupa os seus olhos de problemas futuros. Procure também ajustar o brilho do seu monitor para que não fique muito forte.

olhos

Beba bastante água e evite o excesso de café

Mantenha uma garrafa ou copo de água do seu lado e tome um pouco a cada meia-hora. Isto ajuda a manter o foco, já que seu corpo fica hidratado. Além disto, você pode tirar mais pausas para andar ao bebedouro e encher o seu copo, exercitando suas pernas.

Evite também o consumo excessivo de café. Aqui no Brasil existe essa tradição de se tomar bastante café durante o dia. Ao contrário da crença popular, café não te dá energia – ele apenas te ajuda a gastar mais energia de uma só vez (energia que seu corpo guarda para mais tarde).

Eu amo café e antes bebia bastante, mas no final da tarde já estava exausto e não havia café que me ajudava a ficar focado no trabalho. Um copo de café, um depois do almoço e outro no final da tarde são o suficiente. Troque os cafézinhos pela água.

Espero que tenham gostado destas dicas de exercícios

Coloque sua Vida no ritmo certo!

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Benefícios da atividade física:

Na aparência:

Melhora seu visual
Melhora sua postura
Os músculos ficam mais eficientes e com melhor tônus
Combate o excesso de peso e o acúmulo de gordura

No trabalho:

Aumenta a produtividade
Menor propensão às doenças
Melhor índice de freqüência no trabalho
Combate o estresse e a indisposição
Melhora sua capacidade para esforços físicos

No dia a dia:

Maior disposição para as tarefas cotidianas
O coração trabalha de forma mais segura e eficiente
Aumenta seu fôlego
Melhor elasticidade e flexibilidade do corpo
Melhora sua auto-estima
Você se alimenta e dorme melhor
Vive melhor e com mais qualidade

Na saúde:

Aumenta a qualidade e a expectativa de vida
Melhora seu sistema imunológico
Previne e reduz os efeitos de doenças como:
Cardiopatias
Estresse
Obesidade
Osteoporose
Hipertensão arterial
Deficiências respiratórias
Problemas circulatórios
Diabetes
As alterações das taxas de colesterol (lipídicas)